Última Hora
Populismo nacionalista nas páginas de um jornal
Antonio Hohlfeldt
Carolina Buckup


ISBN: 85-205-0310-1
Categoria: Comunicação
Edição: 1ª - 2002
Formato: 14 x 21 cm
Nº de Pag.: 255
Peso: 0,260 Kg
Preço: R$ 30,00

Retrata a história de um dos diários mais polêmicos e mais importantes da cultura brasileira e sul-rio-grandense, a Última Hora gaúcha. Obra de história, segue as linhas da imprensa, do local ao universal, selecionando os fatos que deram a chamada primeira manchete da Última Hora. Apresenta a radiografia das suas características gráficas, distribuição do material nas páginas, colunistas, principais jornalistas e grandes linhas editoriais, que privilegiaram o projeto nacionalista-populista de Getúlio Vargas e apoiaram criticamente a administração Leonel Brizola no Rio Grande do Sul, atacando, contudo, tudo o que lhe fizesse oposição. Na Última Hora, Brizola levava a melhor. Nas tintas da Última Hora, porém, corriam mesmo era a política e a intensidade do cotidiano. Daí a necessidade de se entender o funcionamento editorial do jornal e a sua relação com o leitor, discutindo-se a aplicação de um ideário nacionalista e populista em suas páginas. Este volume é enriquecido ainda com uma série de anexos em que se apresenta exaustivo levantamento das colunas e espaços que marcaram o jornal, com a equipe completa de profissionais que nele atuaram e, sobretudo, a relação de matérias especiais e reportagens e séries de maior destaque. Contribuição significativa para os estudos de história da imprensa no Brasil, deverá tornar-se bibliografia obrigatória para futuras pesquisas. Antes disso, será leitura compulsória dos que não perdem as últimas manchetes de primeira hora. Um furo!
Confira a fanpage da Editora Sulina www.facebook.com/editorasulina

 

 

 
 


Voltar | Imprimir

 

Os dados pessoais fornecidos pelos usuários do site www.editorasulina.com.br são assegurados pela seguinte Política de Privacidade