Editora Sulina
0

    Sua sacola está vazia.

Jornalismo brasileiro é tema de obra

15/08/2003

NOVO LIVRO DO PROFESSOR MARQUES DE MELO APRESENTA PERFIL DO JORNALISMO BRASILEIRO -


Jornalismo brasileiro é tema de obra -


Não obstante a sintonia que estabelece com as tendências internacionais da produção noticiosa, o Jornalismo Brasileiro vem construindo uma fisionomia singular. Ela se manifesta nos gêneros cultivados pelos seus produtores, mas transparece também na forma de organização do trabalho dos jornalistas dentro das empresas.

Para caracterizar a identidade assumida pela informação de atualidades no Brasil contemporâneo, o Professor José Marques de Melo elaborou um ambicioso projeto de pesquisa, cuja meta principal constitui a análise comparativa dos processos jornalísticos, no tempo e no espaço.

Ele vem realizando simultaneamente a descrição/interpretação dos cenários que marcam o desenvolvimento do Jornalismo Brasileiro e o regaste/exegese das biografias dos seus personagens principais. É um trabalho que pressupõe vários anos de coleta de dados, correlação de resultados, análise de tendências.

Enquanto persiste nessa fascinante empreitada, o pesquisador julgou conveniente socializar os primeiros resultados com as gerações que se iniciam na atividade jornalística. Esta é a finalidade da obra Jornalismo Brasileiro, publicada pela Editora Sulina de Porto Alegre. Seu conteúdo está distribuído em 3 partes:

1) Itinerários: Conhecimento jornalístico; Hipólito da Costa, precursor; Rui Barbosa, polemista; Werneck Sodré, historiador; Freitas Nobre, jurisconsulto; Walter Sampaio, inovador; Octavio Frias, empreendedor; Caminhos cruzados.
2) Evidências: Jornalismo esportivo; Radiojornalismo; Telejornalismo; Mulher-jornalista; Artigo científico; Entrevista jornalística.
3) Polêmicas: Exclusão midiática; Cultura do silêncio; Brecha digital; Gueto acadêmico; Descompasso histórico; Crise de identidade; Jornalismo de referência

Jornalista profissional há 44 anos, o autor fundou o Departamento de Jornalismo e Editoração da Universidade de São Paulo (USP) e mais recentemente participou da criação do Laboratório de Estudos Avançados de Jornalismo (LABJOR) da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Atualmente é Titular da Cátedra UNESCO de Comunicação da Universidade Metodista de São Paulo (UMESP), presidindo a Rede Alfredo de Carvalho para a Preservação da Memória da Imprensa e a Construção da História da Mídia no Brasil.

O livro foi lançado em Porto Alegre, no dia 1º de agosto, em ato organizado pelo Museu de Comunicação Social Hipólito José da Costa, pode ser adquirido através de pedidos para:
ed.sulina@via-rs.net
Vendas on-line:
www.editorasulina.com.br





Mais notícias sobre Leitura no caderno UniFIAM FAAM DIGITAL

Link: